sexta-feira, 11 de maio de 2012

NÃO SOU PINTAS

Sou português!
Sou português ibérico!
Sou um cidadão do mundo!
Onde a vida me levou!?...
Eu não sei p’ra onde irei…
…eu não sei p’ra onde vou.
Ninguém me perguntou,
se algum dia eu queria,
trilhar um caminho assim.
Fui nado vivo, crescente,
fui jovem, adolescente,
fiz-me homem e fui crente,
de que um dia, tudo seria,
radicalmente diferente.
Lutei e barafustei,
Fui grevista, refilei,
dei o corpo ao manifesto,
tive vitórias e derrotas,
fiz conquistas, carreguei,
responsabilidade nas costas…
…E hoje, meia dúzia,
de hábeis malabaristas,
dão a volta á situação,
a seu jeito. Abro a boca
e encho o peito…
Chamam-me radical!!!
Ai como isso me orgulha!?
Sou radical e frontal,
mas pulha e troca tintas,
de certeza que não sou!
…Sou eu mesmo,
e “ não sou pintas!!!”

Duarte Arsénio

Sem comentários:

Publicar um comentário