terça-feira, 20 de março de 2012

DIA DO PAI

Retrato

Olho o teu retrato
gasto dos meus olhos
que temem perder-te
no desfolhar do tempo

olho o teu retrato

puído das minhas mãos
que guardam a memória do teu rosto
do teu sorriso franco e amigo
que deslumbrava os meus dias
como o sol as madrugadas

sai do teu retrato

afaga-me o cabelo
e deseja-me boa noite.

Clara Maria Barata
 

Sem comentários:

Publicar um comentário