quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012


SAUDADE


Saudade atroz
Corróis…
Destróis….
matas o arco-íris
do meu rosto
do meu corpo,
do meu sentir!
Não te ver,
Não te olhar,
Não te sentir,
deixa-me um travo amargo na boca,
O sabor mais intragável
Mais dilacerável
Que uma Alma pode sentir…
A saudade!!

Tina Tinoco
 

Sem comentários:

Publicar um comentário