sábado, 4 de fevereiro de 2012

"Se eu pudesse..."
 
Se eu pudesse falar... gritava.
Se eu pudesse andar... corria.
Se eu pudesse olhar... gostava.
Se eu me cala-se... morria.
Morrerei sem gritar.
Correndo... por gostar,
acabou um dia.
E o vento soprou,
a raiz voou.
Fiquei...
 
Carlos Lobato
 
 

Sem comentários:

Publicar um comentário