terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

 Mar Louco

Esta forma de ser,
E de estar…
Não a consigo entender;
Leva-me a questionar:
Que fiz, para te merecer?

Perdeste-te por mim,
De forma louca
Deixando-me tonto, sem rumo…
Enroscado a um amor sem fim.
Ando à deriva nesse mar…
‘Mar de paixão e emoção’

Por vezes acalma…
Mas logo se agita, ferve de emoção…
Porque o coração tira-nos a razão,..
Por tanto sofrer a distância…

Distância que atiça a musica,
e a poesia…
Apaixonados desde o primeiro dia,
Quem diria!
 
Ricardo Paiva


Sem comentários:

Publicar um comentário